Terça, 01 Agosto 2017 06:00

E o que eu tenho a ver com Brasília?

presidenteMuitos companheiros me perguntam: e o que eu tenho a ver com Brasília? Minha resposta é simples e ao mesmo tempo complexa: tudo. Esse Congresso, que se mostra surdo às reivindicações populares tem nas mãos duas reformas que impactam diretamente a vida de trabalhadores e trabalhadoras: a Trabalhista e a da Previdência. Sim, se as decisões de Brasília têm tirado o sono de alguns, têm tirado também a comida da mesa de muitos.

A Reforma Trabalhista, se aprovada, significa o empobrecimento do trabalhador em médio prazo, a redução da massa salarial geral do país e até o corte na arrecadação previdenciária e de tributos. A proposta altera mais de 200 dispositivos da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) e de toda a legislação trabalhista vigente.

Outro desmonte previsto diz respeito à estrutura sindical uma vez que retira das entidades sindicais a autoridade de fazer reclamações coletivas à Justiça. Ou seja, dificulta o acesso dos trabalhadores às reclamações judiciais.

 Os sindicatos terão muito mais dificuldades para fiscalizar e os trabalhadores perderão nos salários, que serão rebaixados por conta da terceirização sem limites que aumentará a precarização no trabalho e o subemprego.

Temos de estar juntos no enfrentamento daqueles que protegem os interesses dos patrões, das grandes empresas e jogam do lixo as necessidades da classe trabalhadora. Queremos outras reformas. Do Judiciário e das Forças Armadas, que acolhem aposentadoria acima de R$ 200 mil.

Admilson Oliviera
Presidente do SINTRACOM SBC/DMA e da CNTIC

Publicado em Fala Presidente